Artigo

O que fazer se você não alcançar seus objetivos

Em algum momento da sua infância, você percebeu pela primeira vez a linha do horizonte e correu para alcançá-la. Não demorou para descobrir que não importava quão longe ou rápido você corresse, ela sempre ficava "lá fora". Após aprender como esse truque de percepção funciona, você provavelmente nunca mais pensou no assunto.

Assim, podemos entender, por que tantos empreendedores de sucesso caem no mesmo truque quando se trata de alcançar seus objetivos.

"O Gap" entre você e seus ideais.

Seu cérebro tem sua própria versão do horizonte: os ideais. Um ideal é uma imagem de um futuro maior e melhor e, como o horizonte, move-se com você, sempre fora de alcance. Por quê? Porque o escopo de suas expectativas e imaginação se expande no ritmo de suas conquistas.

Se você usa seus ideais para medir seu progresso, corre o risco de cair em um abismo que aqui na Boomit chamamos de "A Abertura". Trata-se da distância entre o que você realmente alcançou e o ideal que você criou.

No Gap, você sempre sente uma pontada de insatisfação e não consegue ver suas conquistas, embora sejam óbvias para todos ao seu redor. Não é um bom lugar para gastar seu tempo.

Como usar os ideais para alcançar os seus objetivos?

Esse sentimento de não ter alcançado o que você propôs não significa que o melhor é jogar tudo para o alto e desistir daquilo.

Toda a sua motivação e inspiração derivam da sua empolgação em imaginar que você conta com as condições necessárias para superar os obstáculos do cotidiano e avançar. Esse ideal de futuro te ajuda a identificar e escolher seus objetivos.

Assim que você determina um objetivo e entra em ação, o progresso vem. O truque aqui é inspirar-se para seguir em frente sem esquecer de olhar para trás para medir o que já conquistou.

Lembre-se de contar com metas a curto, médio e longo prazo. É interessante colocar uma data específica para atingir cada meta. Essa, aliás, é uma prática dos grandes empreendedores em suas empresas e em suas vidas.

Você deseja modernizar a estrutura do seu escritório? Automatizar processos? Triplicar as vendas? Escreva e estipule um prazo para atingir esses objetivos. À medida que você alcança cada um deles, pode olhar para trás e reconhecer o quanto caminhou e quanto ainda falta para alcançar as outras metas.

PRO
Diagnóstico pro
do seu negócio

Se você tem um compromisso sério com você e com o seu negócio já sabe que não pode perder essa oportunidade.

QUERO ME INSCREVER
Continuar sonhando: uma motivação

O empreendedor nunca deixa de buscar seus objetivos. Conforme você empreende conquistas, seus sonhos vão mudando. Após o primeiro imóvel, pode ser que você deseje um segundo na praia ou no campo. E assim vai.

Ao olhar para aquilo que já foi conquistado, você treina ficar fora do gap, pois sente que é movido pelos seus objetivos. Sonhar cada vez mais alto não deve ser uma fonte de insatisfação, mas sim de motivação.

Quanto mais você  sonha, mais longe chega.

E se eu não conseguir?

Muitas vezes, mesmo com todo o planejamento e esforço, imprevistos acontecem e você pode precisar adiar ou redefinir metas.

Casos de doença, morte na família ou mesmo um incidente (roubo ou enchente), por exemplo, não devem fazer você se sentir diminuído. Nesses casos, o melhor a fazer é identificar o que houve, estabelecer um novo prazo e retomar a caminhada rumo às suas metas.

Em algumas situações, é melhor avaliar se o que você propõe é, de fato, a melhor solução. Um empreendedor pode definir como objetivo adquirir um carro de forma a melhorar a sua locomoção e independência.

No entanto, pense com cuidado no assunto, afinal, dependendo do porte e da fase da empresa pode ser uma alternativa onerosa. Tem como usar alternativas como transporte público, táxi e uber? É possível usar a bicicleta? Ou adquirir uma moto, que vai consumir menos e ser mais ágil no trânsito?

Ou, no caso de um curso. Sem dúvidas, o investimento em educação é sempre compensador. Mas, avalie bem se os conteúdos que você vai ter contato não podem ser acessados de forma gratuita ou mais barata pela internet.

Esgote todas as possibilidades antes de definir o que realmente é melhor para você e para o seu empreendimento.

Se você decidiu que sim, vai deixar a garagem de casa para alugar um escritório no centro da cidade, ou comprar um carro, ou fazer matrícula em uma conceituada universidade, foque no benefício que isso vai te trazer.

Deixe de lado todas as outras coisas que podem te distrair, mesmo que possa parecer um gasto pequeno ou algo que não vai tomar muito tempo.

Identifique o que você quer, defina o que deve ser feito e coloque em prática. Se errar, faça disso um aprendizado.

O progresso como inspiração

Comemorar as pequenas vitórias e situá-las na sua realidade é mais do que compensador.

Com o tempo, isso vai te dar uma grande vantagem. Ele coloca você em uma zona positiva de energia, orgulho, confiança e excitação, o que faz com que tudo ao seu redor floresça.

Mesmo que o mundo ao seu redor continue mudando e você pode não ter atingido plenamente seus objetivos, você e aqueles ao seu redor terão um maior senso de moral, impulso e motivação que continuará crescendo.

Seus erros e acertos servem de inspiração e motivação para quem te cerca e também para outros empreendedores. Assim como na vida, tudo tem seus altos e baixos. Faça o possível para extrair o melhor de cada situação.

Alguns trechos deste post foram extraídos de https://www.strategiccoach.com/

Quem escreveu:
Polyana Giardino

Confundadora da Boomit, mentora de empresas e de empreendedores e investidora de projetos com impacto social no Brasil e na África.

Você acabou de ganhar uma sessão de consultoria!
7 VAGAS RESTANTES